Almir Rizzatto

SEO para jornalistas: por que precisamos aprender isso?

SEO para jornalistas: por que precisamos aprender isso?

A era digital vem gerando grandes mudanças na comunicação e algo que se tornou extremamente importante é o SEO para jornalistas. Hoje, não basta um texto bem escrito na web, com conteúdo informativo e relevante. É preciso que esse material tenha também as técnicas de SEO.

Mas, afinal, o que é SEO? Em resumo, o Search Engine Optimization (Otimização para mecanismos de busca) é um conjunto de técnicas para fazer com que textos, vídeos, páginas e sites sejam bem rankeados organicamente nos buscadores, como Google, Bing e Yahoo.

Os resultados orgânicos são aqueles que aparecem de imediato, abaixo dos anúncios, quando fazemos uma pesquisa no Google. E, claro, dependendo da expressão buscada, podem surgir dezenas de páginas com resultados.

De acordo com um levantamento do Google, 95% das pessoas não passam para a segunda página quando fazem uma pesquisa. Eu, por exemplo, normalmente não passo. Provavelmente você também não. Isso acontece porque hoje navegamos de forma extremamente rápida, queremos a solução para nossos problemas imediatamente. E tendemos a acessar o que está ali, mais fácil, a um clique.

Mas como se destacar em meio à multidão? É justamente aí que entram as técnicas de SEO.

A importância do SEO para jornalistas

Imagine aquele post que você fez para o site ou blog de um cliente. Foi trabalhoso produzir, você fez entrevistas e pesquisas, deixou o texto redondinho. Então, o material foi para o ar e poucas pessoas leram. Pior: ele nem aparece nos primeiros resultados do Google. É como se o texto não existisse para a principal ferramenta de pesquisa da internet!

Agora imagine o mesmo post posicionado na primeira página do Google ao pesquisar por determinada expressão. Você tem ideia do valor que isso tem? Quantos acessos o material teria de forma gratuita, sem fazer com que seu cliente gastasse um centavo em anúncios?

Além de naturalmente aumentar a audiência de um material – e, consequentemente, do site –, o bom posicionamento orgânico transmite autoridade. Quem aparece no topo é mais valorizado.

Você entende agora a relevância que isso tem para o mercado hoje em dia? E aí fica difícil entender como nós, jornalistas, ainda fazemos textos sem SEO. Somos produtores de conteúdo e não o fazemos como o mercado deseja, como esta nova era exige?

Mesmo os artigos e as reportagens publicadas em veículos impressos (jornais e revistas) deveriam ser adaptadas quando subissem para o online. Quando falamos de portais, como Globo.com, UOL, R7 e Terra, e materiais para blogs e sites, então, isso é obrigatório!

Dicas básicas de SEO para jornalistas

O nosso grande desafio, como jornalistas, é produzir conteúdo informativo, relevante, com leitura agradável e, além de tudo isso, possua as técnicas de SEO. E somos capazes disso. Somos jornalistas!

O Google tem centenas de fatores de rankeamento e, para ficar mais prático, listo abaixo seis técnicas de SEO que apliquei neste artigo:

1) Antes de qualquer coisa, é preciso definir a palavra-chave do texto. No meu caso, escolhi “SEO para jornalistas”.

2) Usei a palavra-chave no título

3) Coloquei “SEO para jornalistas” na url (link)

4) Criei intertítulos com a expressão principal do meu artigo

5) Espalhei “SEO para jornalistas” ao longo do texto, sem ficar muito repetitivo

6) A imagem que publiquei para ilustrar este artigo tem a palavra-chave no nome do arquivo e nas atribuições.

Se antes a nossa maior preocupação era com o lide, hoje, tão importante quanto (ou até mais!), são as técnicas de SEO.

Participe da Oficina de SEO para jornalistas:

Oficina de SEO para jornalistas

Sobre o autor | Website

Almir Rizzatto é jornalista, fundador da RZT Comunicação, especialista em Marketing Digital e instrutor do curso "Marketing Digital para jornalistas".

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

2 Comentários